Afrodite – Hits no Olimpo 2013

Myl/ agosto 10, 2013/ 13 comments

Olá, Menininhas!

Aproveitando um solzinho mais que maroto que fez aqui, entre dias e dias de chuva, aproveitei para passar o Afrodite, um Holográfico da Coleção Hits no Olimpo – Edição 2013, segundo a marca, reeditado e com pigmentação e holografia mais intensas – há controvérsias…

Procurei aqui nas minhas belezinhas a versão original do Afrodite, mas, adivinhem: na época em que esta coleção foi lançada eu não me interessei pela cor em questão!

Afro01Afrodite – Versão 2013 da Hits no Olimpo

O Esmalte tem uma holografia discreta para os meus padrões, mas mesmo assim eu gosto muito de alguns esmaltes dessa coleção.  Precisei de três camadas para cobrir a unha. Acho que numa unha mais curta, duas camadas seriam suficientes.

Outro dia estava comentando no Instagram que não me estresso mais com holográfico ralo – de base “Jelly”. Aqui, no caso deste post eu não recorri a esta providência, mas eu costumo passar um esmalte cremoso no mesmo tom e uso o Holográfico que achei ralo por cima, como cobertura.

Afro02

O Afrodite tem a base laranja e o prisma e bem espalhado. Sou suspeita. Meu efeito preferido, desde sempre. Demorou um pouco pra secar, acho que por causa do número de camadas. Para mim, óleo secante não acelera secagem de esmalte, ele apenas serve para proteger o esmalte enquanto seca. Eu não quis passar nenhum Top Coat para não diminuir o prisma e nem alterar o tom do esmalte.

 Afro03

Já falei algumas vezes aqui que Esmaltações com holografia espantam o sol ( Sou doida?) . Neste dia mesmo resolvi passar um Holográfico quando vi que o dia estava ensolarado, mas nem tinha acabado de fotografar as unhas e ele tratou logo de se esconder…

MontagemAqui postei as Diferenças entre Luz do Sol de Luz da Luminária. (Luminária, Sol, Sol, Luminária – de cima para baixo)

Afro04Desfoquei um pouco para mostrar como o prisma é espalhado.

Vocês que tem esmaltes da Hits no Olimpo original e da Edição 2013, conseguiram notar alguma diferença substancial?

20130804_155856

Qual a relação de vocês com esmaltes que precisam de mais de duas camadas para cobrir as unhas?

Gostam de holográficos?

A holografia ainda é “vítima” de narizes torcidos por conta de ser considerado esmalte espalhafatoso ou até confundido por pessoas menos alucinadas ligadas em esmaltes com “cintilantes” ( perdoadas,  a não ser que sejam profissionais da área, de quem já ouvi várias vezes…. hihihihihi).

Aqui em Salvador, a maioria dos salões que eu conheço e que oferecem serviço de manicure – e isso não é fruto somente da minha observação – ainda carece de investimento em pesquisa. Fico triste e espantada em lojas de cosméticos quando vejo Manicures procurando por esmaltes de “no máximo R$2,50” ou dizendo que não compram nada diferente porque as clientes não pedem… Eu prefiro pensar que as clientes não pedem porque elas não compram. Justificam que a gerência do salão não investe em esmaltes com efeito, e que elas não querem comprar do próprio bolso, porque não terão o retorno financeiro, visto que o preço da manicure é unificado no estabelecimento.

Uma pena para quem depende ou prefere o salão para fazer a própria unha, se bem que eu acho que a pessoa pode e até deveria comprar o esmalte da sua preferência e levar para o salão. E porque os salões não instituem preços diferenciados para esmaltes comprovadamente de preços, efeitos, acabamento e procedência diferenciados?

Eu sou de um tempo ( falou Matusalém) em que você chegava no salão e a manicure perguntava: Vermelho ou Creme/Areia? Escuro ou Claro? Café com Rebu ou Renda? É engraçado como isso acontece até hoje, mesmo com a infinidade de cores, efeitos e acabamentos existentes no mercado.

Outra coisa que vejo muito por aí é um monte de gente acha normal ( eu não sou normal) – Descarnar os dedos, afundar a cutícula, se mutilar… E fazer isso porque quando nasceu já se fazia unha assim, cresceu assim e é assim que deve continuar…Porque fica mais bonito e blá, blá blá. Porque se não arrancamos a cutícula, ela cresce toda picotada e grossa.

sadOra, ora, ora… Ela cresce toda picotada e grossa justamente para “reagir” `a agressão que sofreu. Da mesma maneira que uma bolha feita no pé por um sapato novo/apertado vira calo (engrossa). E quanto mais a gente arrebenta e destrói a cutícula, mais grossa e mais rápido ela vai crescer. O organismo é perfeito e vai se defender cada vez mais eficientemente. Isso se correr tudo bem e a pessoa não perder nenhum “bife” de cutícula e não tiver nenhuma inflamação ou infecção.

  • Me contem aí? Quem faz cutícula com alicate e porque faz?
  • Quem já conseguiu mudar de hábito e se utiliza de outros meios para remover as cutículas?
  • É fácil abandonar o alicate de cutículas?
  • Quais os cuidados que vocês tem com a suas cutículas?

Em breve coloco um post aqui com os produtos e artifícios que uso para manter minhas cutículas longe do alicate!

Beijos Enormes!

Seu Comentário é muito Importante!

Comentários

Share this Post

About Myl

Myriam Cedro - Pode chamar de Myl! É Graduanda (em 2015 esse incômodo "n" sai daí!) em Letras pela Universidade Federal da Bahia. Apaixonada por Esmaltes, Gatos, Corujas e Café! Nas horas vagas (que vagas?) vem aqui e tenta nos divertir e informar com o pouco do que sabe e com quase tudo daquilo do que gosta neste mundo colorido dos Esmaltes e Meninices. Por favor, não copie as fotos dela sem a expressa autorização e não as reposte em hipótese nenhuma sem dar os créditos da autoria e "linkar" este humilde Blog. Ela te implora!